sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Ajuda profissional



Escolher que profissão seguir é um grande passo na vida de qualquer pessoa,o que só aumenta as dúvidas,problemas,pressões e a tentativa de tentar decidir o que quer pra vida.Ao contrário do que qualquer um faria,eu não vou dar conselhos,porque já escutei bastante.Vou dizer os meus porquês,algumas alternativas de profissões pra mim e todo meu ponto de vista pra tentar me entender.
Medicina: A matéria é muito interessante,envolve a gente e faz parte da nossa realidade.Tem assuntos que dá vontade de aprender.É teoria e prática,e o trabalho tem sempre desafios,o que me garante dinamismo e muita recompensa.Além de ser um curso muito bonito e que eu admiro muito,acho que a minha vontade de aprender cresce.Tenho um bônus extra por causa do fator hereditário,o que facilita na hora das dicas e tudo mais.Resumindo:é maravilhoso,dinâmico,dá vontade de descobrir e fazer melhor e o reconhecimento é muito grande,você se sente bem com o que faz e é super respeitado.É o que se pode dizer de amar o que faz.
PROBLEMA: Tem que ser muito maduro pra encarar mortes constantemente,eu tenho muuuito nojo de sangue,o trabalho "chama" toda hora,poucas folgas e você pode ser interrompido onde estiver para ir ao hospital pra dar um reforço.Tem casos difíceis e pode acabar te deprimido por ver ver tanto sofrimento,e você vai trabalhar muito,pode ter certeza.Resumindo: Embora seja um ótimo trabalho,você tem que amadurecer demais pra não deixar que a super dedicação para o serviço atrapalhe a sua vida e você acabe desistindo de tanto esforço.

Direito:É uma coisa que vem de dentro da gente.O ato de 'defender' e 'julgar'se encaixa nas leis e nos seus pontos de vista.Você se expressa e aprende a usar a razão para culpar e inocentar alguém.É uma forma de fazer justiça (ou não) e de pôr ordem e moral em quem desobedece a lei.
É interessante porque você tenta resolver casos de um jeito racional,justo e que você busca a melhor solução usando as leis e mostrando seus pensamentos.
PROBLEMA: É uma decoreba maluca.Um trabalho cansativo,desanimado.Deve ter sempre uma mentirinha aqui,outra ali.A competição em querer ser o melhor com seus colegas de turma deve ser bem grande e ter que lidar com gente séria e que ostenta dinheiro é um saco.É um curso que particularmente pode acabar enjoando de tanta seriedade.

Jornalismo : Absorção de experiências e diferentes tipos de ideias vindas de diferentes tipos de pessoas.Um trabalho divertido e que tem sempre novidade.Você se atualiza nos assuntos,se informa,guarda opiniões de todos e expressa as suas.Viaja e conhece tipos de culturas e estilos de vida diferentes.Você está sempre aprendendo com o que as pessoas acham e acaba se envolvendo com os assuntos ao formular perguntas que são de seu interesse também.Você vira a voz do povo.O convívio com a escrita,as histórias contadas,diferentes pensamentos e um turbilhão de diferenças que se pode conhecer por meio do jornalismo me faz sonhar com este curso,que além de expressão trabalha também com o socialismo,desafios e experiências memoráveis.
PROBLEMA: Onde eu moro não é comum,os jornalistas que fazem "sucesso" aqui trabalham num telejornal que puxa-saco do governo ou para um jornal expresso de 25 centavos(hehe),não sei por onde começar,não tenho com quem me informar sobre o curso,e não sei direito como funciona.Para alcançar meu objetivo teria que sair da cidade (o que não seria problema se pudesse levar toda minha família junto) e começar uma vida destinada à profissão.

Sei que está muito longe(pra mim),mas tenho um milhão de dúvidas sobre qual dessas profissões escolher,quem sabe tenham novas alternativas,mas essas são de meu interesse,e dos meus pais também (jornalismo não é do interesse deles),só sei que se nada der certo (não,não vou virar hippie) eu viro cientista e realizo meu sonho de 8 anos de idade.

4 comentários:

Isadora Ijano disse...

Eu adooro jornalismo, e acho que vc ia se dar super bem, mas enfim, é seu futuro né? E não, não vai virar hippie, ahahahaahaha, adorei esse seu comentário. Você pode ser uma hippie moderna ahauahaauh.
Beeijos.

mente inconstante disse...

É dificil mesmo!
Eu até hoje nao sei ao certo o que quero...
já fiz duas faculdades, mas não terminei!
Talvez jornalismo seja a ideal...
é o que eu vou tentar esse ano!

:)

Juju disse...

Nossa esse é um grande passo mesmo, então analise as possibilidades e escolha bem. Boa sorte na sua escolha!

Beijujubas

Bill Falcão disse...

Escolher profissão é uma coisa bem difícil mesmo, Laís!
Mas, não se preocupe: na hora do "aperto financeiro", você pega a primeira coisa que pintar! Geralmente, é o que quase todo mundo faz!
Bjooooooo!!!!!!!!!!!!